Bomba de Calor para Piscina

A solução com maior aceitação no mercado para o aquecimento da piscina

Das várias soluções técnicas possíveis para o aquecimento de uma piscina a bomba de calor é, sem dúvida, aquela que tem a maior aceitação do mercado.

De facto, seja para criar conforto térmico durante a época balnear, seja para antecipar e prolongar a época de banhos ou para utilizar a piscina todo o ano, a excelente relação custo de investimento/desempenho, com um baixo consumo energético, fazem da bomba de calor a solução ideal para o aquecimento de piscinas.

O que é e como funciona a bomba de calor?

A bomba de calor para piscina (bomba de calor ar/água) é um equipamento termodinâmico que utiliza um circuito frigorífico e um compressor para transformar a energia existente no ar em calorias que são transferidas à água da piscina através de um permutador de calor.

Este processo de transformação de energia, através de um circuito frigorífico, permite que o rendimento do equipamento seja 5 vezes maior que a energia que o mesmo consome. Quanto maior o Coeficiente de Performance (COP) maior é o ganho de energia e menores são os custos energéticos.

Em termos práticos, do total de energia térmica transferida à água da piscina, 80% provém, gratuitamente, do ar ambiente; os restantes 20% (o que pagamos efectivamente em electricidade) resulta do funcionamento do compressor e do ventilador. Isto faz da bomba de calor a solução mais eficaz e económica para o aquecimento de piscinas.

Qual o modelo indicado para a minha piscina?

Existem vários modelos possíveis.

Entre outros (pequenos) aspectos técnicos relacionados com a concepção das bombas de calor em si, a primeira e grande diferença está, obviamente, na potência calorifica dos diferentes modelos.

A potência de uma bomba de calor tem que estar ajustada ao volume de água da piscina e ao período de tempo que o proprietário quer utilizar a piscina aquecida. A sua selecção terá que ter também em conta a região em que será instalada – instalar uma bomba de calor no Minho não é a mesma coisa que instalar uma bomba de calor no Algarve.

 

A segunda grande diferença está na configuração da bomba calor em si, isto é, existem modelos com ventilador horizontal e outros com ventilador vertical. O ventilador é o componente que tem a função de, como o próprio nome indica, de ventilar o ar para o exterior aumentando a eficiência do evaporador.

Muitos lugares, pela exiguidade de espaço físico, não permitem a instalação de uma bomba de calor com ventilador horizontal (o modelo mais comum) em que o ar é projectado na horizontal, pois existem obstáculos – normalmente uma parede ou um muro – que impossibilitam a fluidez de ar necessária condicionando assim a performance do equipamento. Foi esta a principal razão que levaram alguns fabricantes a optarem por incluir nas suas gamas modelos de bombas de calor com ventilador vertical, resolvendo assim um problema com que instaladores e clientes se deparavam frequentemente.

Muito importante

Ao pensar numa bomba de calor para a sua piscina tenha presente que 60% das perdas de temperatura estão na evaporação logo, para maximizar o desempenho do equipamento e minimizar o custo energético é indispensável uma cobertura sobre o espelho de água. Veja as nossas coberturas.

Pode parecer simples a selecção e a instalação de uma bomba de calor para a sua piscina, mas na verdade não o é. Para a correcta instalação do equipamento há que considerar e aferir, caso a caso, outros critérios técnicos. Aconselhe-se com especialistas. Fale connosco. Não arrisque, tome a sua decisão de forma esclarecida e documentada.

Peça um Orçamento de Bombas de Calor

Faça uso da sua piscina durante todo o ano.

Facebook
Facebook
YOUTUBE